Rua de Compras reúne 40 mil pessoas no Santo Agostinho, em Volta Redonda

Os moradores da região do Santo Agostinho tiveram um dia especial neste domingo: a edição da Rua de Compras, do Dia dos Pais, que aconteceu entre as vias Francisco Alves da Rocha e Jaime Martins. Passaram pelo local mais de 40 mil pessoas durante todo o dia, segundo a Guarda Municipal. A ação foi uma parceria entre o governo municipal com as entidades empresariais. Essa é a terceira edição do projeto. As duas primeiras edições aconteceram nas avenidas Amaral Peixoto e Sávio Gama, nos bairros Centro e Retiro, respectivamente.  

“Governamos para todos nesta cidade. A Rua de Compras é uma boa iniciativa, além de gerar emprego e renda, a população teve um momento de lazer e entretenimento, num domingo que poderia estar apenas em casa”, disse o prefeito Samuca Silva.

O chefe do Executivo municipal citou ainda os resultados positivos do Caged (Cadastro Geral de Emprego e Desemprego), que mostram uma recuperação na economia da cidade. Em junho, por exemplo, Volta Redonda teve o melhor desempenho em todo estado do Rio de Janeiro, com o saldo positivo de 444 empregos.

“A Rua de Lazer é uma boa ideia que já deu certo na cidade e na região. Agora, quem sabe, vai conquistar o país. O Brasil precisa de positividade, de investimento no interior”, afirmou o prefeito, em vídeo gravado para as redes sociais.

Quem elogiou o projeto foi Divino dos Santos, presidente da Associação de Moradores do Santo Agostinho. “A Rua de Compras está trazendo para o bairro pessoas de outras regiões para conhecer o Grande Santo Agostinho. Estou surpreso com a quantidade de pessoas e os comerciantes estão elogiando muito o evento”, disse ele, que mora na local há mais de 47 anos.

Quem compartilhou a mesma opinião foi o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Joselito Magalhães. “O público ficou acima da média, num verdadeiro shopping a céu aberto. A próxima edição acontecerá na véspera do Dia das Crianças, em outubro, no Aterrado”, divulgou.

A população pode aproveitar o circuito gastronômico com os famosos food trucks, na praça de alimentação, e teve ainda apresentações de artistas do próprio bairro. As crianças também aproveitaram o dia com brinquedos infantis instalados na rua.

“É uma das regiões mais populosas da cidade e não poderia ficar de fora da Rua de Compras. O projeto movimenta a cidade e a economia”, resumiu Maycon Abrantes, vice-prefeito e secretário municipal de Ação Comunitária.

“Achei uma boa iniciativa da prefeitura. Gostei do projeto e moro aqui há 50 anos e nunca vi um evento na rua assim”, disse a lavadeira aposentada Maria da Conceição Pereira da Silva, moradora do bairro há 50 anos. 

Deixe um comentário