Trabalho de Alexandre Serfiotis é reconhecido em Barra Mansa

A atuação do deputado federal Alexandre Serfiotis, na defesa do sistema público de saúde de Barra Mansa, foi reconhecida nesta segunda-feira (21/08) pela Santa Casa de Misericórdia. A instituição filantrópica recebeu o parlamentar para um café da manhã em sua homenagem. A Provedoria da entidade agradeceu ao deputado a dedicação com o segmento no município, em especial, à Santa Casa, responsável pelo atendimento de cerca de 80% dos pacientes da cidade que procuram o SUS (Sistema Único de Saúde).

A vice-prefeita de Barra Mansa, Maria de Fátima Lima, compareceu ao evento, junto com o Secretário Municipal de Saúde, Sérgio Gomes, e vereadores. “Agradecemos toda dedicação que o deputado tem por Barra Mansa, principalmente na área de Saúde. Temos também muito a agradecer à Santa Casa, que é uma instituição parceira. A Santa Casa não é um hospital público, é uma instituição filantrópica, essencial ao nosso município”, afirmou a vice-prefeita.

O Secretário Municipal de Saúde, Sérgio Gomes, destacou o carinho que o deputado tem com a instituição. “Acompanhei e ainda acompanho o trabalho de Alexandre Serfiotis. Vejo seu comprometimento. Essa é uma parceria que vem acontecendo há algum tempo e só tem gerado bons frutos, como o hospital oncológico e agora o angiógrafo”, disse o secretário, referindo-se a emenda de R$ 2 milhões, destinada por Serfiotis para a aquisição do equipamento para o hospital, que vai permitir que a instituição dobre o número de atendimentos no setor de hemodinâmica – área em que o hospital é referência no Estado do Rio e atende a toda a região Sul Fluminense, além da Costa Verde e parte da Baixada Fluminense.

“Durante todo o período em que fiquei a frente da Provedoria da Santa Casa, Alexandre Serfiotis foi muito ativo. Esses R$ 2 milhões já estão em crédito para o hospital e em breve o angiógrafo chegará à nossa unidade hospitalar”, comentou o ex-provedor Jair Fusco, reforçando que o dinheiro é específico para a compra e instalação do equipamento, não podendo ser utilizado em nenhum outro setor.

O provedor da entidade, Getúlio Pereira, aproveitou a ocasião para solicitar o apoio do deputado em questões que atingem diretamente a Santa Casa. “Aproveito para entregar ao deputado a carta reivindicatória da Femerj (Federação das Misericórdias do Rio de Janeiro). “Dentre os diversos pedidos, solicitamos o envolvimento de Alexandre Serfiotis em questões importantes para a Santa Casa e, consequentemente, para a Saúde do nosso município, como o Projeto de Lei que dispensa que entidades filantrópicas paguem juros e multas à união. Outra proposta importante é a que busca fazer com que os municípios repassem imediatamente verba recebida dos governos estadual e Federal às entidades filantrópicas e também o retorno do PAHI (Programa de Apoio aos Hospitais do Interior)”, afirma o provedor, ressaltando que o deputado tem buscado constantemente apoiar a instituição, por isso encaminha a ele a solicitação.

Alexandre Serfiotis agradeceu a homenagem e reforçou a parceria com a entidade e com Barra Mansa. “Fui o deputado federal mais votado em Barra Mansa, em 2014. Tenho um compromisso com essa cidade que me adotou. Trabalhei aqui no Pronto Socorro desse hospital e vejo como há um crescimento de gestão. São quase mil santas casas em todo o país, responsáveis por mais de 60% do atendimento de média e alta complexidade pelo SUS. Essa é a importância dessas entidades filantrópicas para o Brasil. Aqui em Barra Mansa, esse percentual sobe para mais de 80%. A Santa Casa de Barra Mansa faz um papel brilhante e tem um modelo de gestão que deveria ser copiado em outras instituições”, discursou o deputado, reforçando que vai destinar entre R$ 2 milhões e R$ 3 milhões em emendas parlamentares para a ampliação do novo Pronto Socorro do hospital.

– Já comecei a trabalhar nessa frente. Estive em contato com o governador e expliquei a necessidade da Santa Casa. A entidade já tem o projeto e estamos viabilizando a verba. Um novo Pronto Socorro vai beneficiar a população atendida pelo SUS. A saúde não é só minha prioridade, mas é uma prioridade de vida – conclui Alexandre Serfiotis.

Deixe um comentário