Samuca Silva abre Industrisul de olho em novas empresas

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, abriu na tarde desta terça-feira, dia 12, a Feira de Negócios da Indústria do Sul Fluminense (Industrisul), no Pavilhão da Ilha São João. O evento, que tem o apoio da Prefeitura de Volta Redonda e é realizado pela APL Metalmecânico, vai até quinta-feira, dia 14. Segundo a organização, os visitantes estão tendo a oportunidade de conhecer, de forma segmentada, produtos e serviços de 56 empresas da região e do estado. A previsão é que pelo menos duas mil pessoas passem pelo local nos três dias.

A secretaria municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo montou um stand para divulgar as ações da prefeitura e apresentar aos empresários os benefícios de investir em Volta Redonda. A Industrisul funcionará das 14 às 18 horas na quarta-feira, dia 13; e das 14 às 19 horas na quinta, dia 14.

“A escolha de Volta Redonda mostra a grande importância do município para o Estado do Rio e, assim, estamos colocando o município no centro econômico do Brasil. Melhoramos o ambiente de negócios e criamos uma cultura de empreendedorismo na cidade, o que não ocorria há décadas. Quero aproveitar esse evento para conversar com os empresários e atrair novas empresas para Volta Redonda. O município tem terra disponível, é cortado por duas grandes rodovias federais e agora um governo disposto a dialogar. Volta Redonda é uma excelente cidade para morar e investir”, disse o prefeito Samuca Silva, que passou o primeiro dia do evento conversando com os expositores.

Samuca Silva ainda demonstrou que as ações do governo estão gerando frutos, tanto que Volta Redonda teve o melhor desempenho em junho no Caged (Cadastro Geral de Emprego e Desemprego) em todo o estado do Rio de Janeiro. E mais: está com saldo positivo no acumulado de 2017. “Em Volta Redonda não tem crise. Um exemplo disso foi a retomada das obras do Park Sul Shopping, mostrando que os empresários estão confiantes na cidade. Além disso, em breve, Volta Redonda vai receber outras empresas, gerando emprego e renda. Tivemos o melhor resultado em abertura de empresas no último mês, perdendo apenas para a capital”, frisou o prefeito, que continuou:

“Colocamos Volta Redonda à disposição de todos vocês. Se alguém tinha alguma dúvida desse governo, está ai aprova: reunimos grandes empresas, o Codin (Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado), AgeRio (Agência Estadual de Fomento) no mesmo evento”, comentou o prefeito.

Além do chefe do Executivo, participaram da abertura o subsecretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Alberto Mofati; Pedro Guttemberg, diretor executivo da CSN; Armando Clemente, diretor do Sebrae; Adriana Silva, presidente do MetalSul; Edvaldo Xavier de Carvalho, o Fafal, presidente da representação regional Firjan; e Walter Siqueira, superintendente regional da Caixa Econômica Federal. E os vereadores Fernando Martins e Maurício Pessoa.

O secretário de Desenvolvimento Econômico Joselito Magalhães, que elogiou a organização do evento, destacou as mudanças da feira: “Samuca Silva é um entusiasta pelo Desenvolvimento Econômico. Neste evento, há novas características,como pensar o desenvolvimento de forma regional e a própria mudança de nome. Isso mostra a marca da virada econômica de Volta Redonda”, disse o secretário.

Maycon Abrantes, vice-prefeito de Volta Redonda, resumiu: “É um dia especial. Estamos trabalhando de manhã, de tarde e de noite para buscar mais empresas estão para a cidade, gerando assim mais emprego e renda para a população”.

Quem compartilhou da mesma opinião foi a presidente do MetalSul, Adriana Silva: “A união entre o setor empresarial e o poder público é fundamental para desenvolvimento econômico. O secretário Joselito sempre estava pronto para nos atender na organização do evento”, elogiou.

CSN está disposta em ajudar VR, afirma diretor da empresa

Em seu discurso, Pedro Guttemberg garantiu que a CSN está disposta em ajudar no desenvolvimento do município: “Volta Redonda é o berço da indústria brasileira e vem na vanguarda do setor no país. Estou trabalhando na cidade há três meses e de coração aberto. Queremos fazer um espírito coletivo para a sociedade de Volta Redonda. O município tem um potencial gigantesco e a CSN sempre está disposta em ajudar Volta Redonda e a região”.

Alberto Mofati, subsecretário do estado, destacou a dedicação do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Volta Redonda: “Quando assumimos, o primeiro secretário que nos procurou foi o Joselito Magalhães. Isso demonstra o interesse dele pelo desenvolvimento de Volta Redonda”, comentou ele, que continou:

“Esse é o primeiro grande evento que o Governo do Estado está participando depois da assinatura do ajuste fiscal com o Governo Federal. Temos que parar de olhar para trás e ter a consciência que a economia está voltando a crescer e devemos estar integrado com o setor privado”, finalizou.

Deixe um comentário