Rua de Compras deve atrair milhares de pessoas no domingo

Os últimos detalhes da quinta edição do projeto Rua de Compras foram acertados na noite desta terça-feira, dia 3, numa reunião com os empresários do bairro Aterrado, na sede da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Volta Redonda. O evento, que é uma parceria entre a prefeitura e as entidades empresariais, acontecerá no domingo, dia 8, em comemoração ao Dia das Crianças. Estima-se que mais de 50 mil pessoas participem ,conforme divulgou o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Joselito Magalhães.

Será fechada toda a Avenida Paulo de Frontin até Rua Neme Felippe, na altura do Mercado Popular. As transversais da via sofrerão alterações ou serão interditadas parcialmente, segundo informações da Guarda Municipal.  “Todos do bairro podem abrir o comércio. É uma grande oportunidade para melhorar as vendas”, incentivou o secretário Joselio Magalhães, durante o encontro com os empresários.

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, destacou que a Rua de Compras deu tão certo que cidades vizinhas também adotaram o mesmo projeto e o evento já é referência. “Agora não é um projeto de Volta Redonda, mas de todo o estado do Rio de Janeiro. Levamos os consumidores para as ruas e o grande atrativo são as promoções. Tudo isso gerando renda e emprego. Muitas pessoas de outras cidades também vêm para aproveitar os atrativos de Volta Redonda, reforçando o nosso potencial turístico”, disse o prefeito. Nas quatro edições anteriores, a Rua de Compras reuniu mais de 250 mil pessoas.

Praça da Prefeitura também terá atividades

A Praça Sávio Gama, em frente ao Palácio 17 de Julho, receberá a Feira de Orgânico, um festival gastronômico com Food Trucks e eventos culturais. “São várias secretarias municipais envolvidas oferecendo toda infraestrutura necessária para o lazer e diversão aos consumidores”, contou Joselito, ressaltando que as cooperativas de recicláveis estarão recolhendo todo o material reciclável produzido na Rua de Compras. Na edição passada, foram mais de 200 quilos de recicláveis para as cooperativas.

150 estabelecimentos participarão da Rua de Compras

A estimativa da CDL é que mais de 150 pontos comerciais participem da edição do Aterrado.  “Estou confiante que tudo vai dar certo, como deu nas edições anteriores. Circular o dinheiro e movimentar a economia, num momento difícil em que o estado do Rio está passando, é um desafio”, disse Adriano dos Santos, presidente da CDL de Volta Redonda.

“Há muito tempo não tem uma união com o poder público com os comerciantes. Volta Redonda perdeu muito tempo com essa falta de diálogo”, disse o empresário Gil Ferreira, dono de uma concessionária de automóveis na avenida.

Ronaldo Joaquim, dono de uma loja de tintas, também está otimista com a Rua de Compras. “Tudo que vem para melhorar as vendas é muito bem vindo. Acredito que aumentaremos as vendas”.

Programação especial para as crianças

Além das promoções do comércio, o público poderá conferir uma programação de atividades culturais, esportivas e de lazer para a criançada, que será oferecida pela prefeitura. A secretaria de Ação Comunitária vai disponibilizar o caminhão da Brinquedolândia, e a secretaria de Esporte e Lazer vai promover brincadeiras e atividades como bambolê, amarelinha, mini vôlei, corda, badminton e treinamento funcional.

Deixe um comentário