Sindicato dos Funcionários Públicos do Município de Resende

Na última terça, 31 de outubro, a CTB (Central dos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil), em parceria com a FESEP-RJ (Federação dos Servidores Públicos Municipais do Estado do Rio Janeiro) e com a CSPB (Confederação dos Servidores Públicos do Brasil), organizou um Encontro Estadual dos Servidores Públicos da CTB, que aconteceu no auditório do Sindicato dos Estivadores do Rio de Janeiro, localizado na Rua Antônio Lage, 42, Gamboa.

O encontro contou com palestras e debates sobre a reforma trabalhista, o fim da estabilidade do servidor público e o fim da contribuição do imposto sindical obrigatório. Estiveram presentes representantes da CTB, FESEP-RJ, CSPB, SINFA, SINTUPERJ (UERJ), SINTRATTIPP-RJ, SINTSAMA, SINDSPREV, SEPE, SINDPEFAETEC, SINPROSEP, SETEMRJ (Legislativo), SEEB (Bancários), SINFARQUIM (Niterói), SINMED, SINSPMAR, Sindicato dos Comerciários (Rio de Janeiro, Miguel Pereira e Paty do Alferes), Servidores Públicos de Resende, Búzios, Belford Roxo, Quatis, Porto Real, Três Rios, Guapimirim, Bom Jardim, Magé, Nova Iguaçu e Mesquita.

A delegação de Resende foi formada por Georvanio Sousa, vice-presidente do SFPMR (Sindicato dos Funcionários Públicos do Município de Resende), Edimar Perdiz, diretor tesoureiro e Leslie Carina, diretora secretária auxiliar.

“É um debate muito necessário, o servidor público vem sendo apontado como o culpado da corrupção no país e há um movimento de atentado aos direitos do trabalhador do serviço público”, disse o vice-presidente, que ainda completou afirmando que os direitos retirados dos trabalhadores pela reforma trabalhista representam um retrocesso sem precedentes na sociedade brasileira.

A participação no encontro reforça o compromisso dos dirigentes do Sindicato dos Funcionários Públicos de Resende pela busca contínua de aprimoramento para melhor servir aos interesses da categoria.

Deixe um comentário