Volta Redonda sedia Copa Vale do Paraíba de Kickboxing

O sábado, 18, foi de esportes no ginásio do bairro Retiro. Com o apoio da Secretaria de Esporte e Lazer de Volta Redonda (Smel), foi realizada uma copa de Kickboxing. O objetivo foi incentivar as práticas esportivas e o desenvolvimento de uma nova modalidade na cidade.
Ao todo foram 36 lutas femininas e masculinas, com a participação de mais de 70 atletas. As crianças também participaram. Os pequenos, com idades de 7 a 14 anos, participaram numa categoria mais leve. A mãe da pequena Gabriela, de oito anos, estava nervosa por ver a filha lutar, mas ficou na torcida.
“Mãe fica apreensiva, mas a gente gosta de ver. É bem melhor ela praticar um esporte do que ficar muito tempo no celular, como a gente vê a maioria dos jovens e até crianças”, disse Karine Soares.
A secretária municipal de Esporte e Lazer, Maria Paula Tavares, destacou que a modalidade já vem sendo trabalhada na cidade. Uma das principais finalidades da Smel é fomentar o kickboxing em Volta Redonda. O ginásio do bairro 249, já tem a modalidade e 17 alunos, com idade de 12 a 17 anos, participam das aulas todas às segundas-feiras.
“O apoio ao esporte faz parte dos nossos objetivos na Smel e segue uma orientação do prefeito Samuca. O kickboxing já vem sendo praticado em Volta Redonda e dar apoio a esse evento vai ajudar a motivar ainda mais a prática”, disse Maria Paula.
O atual campeão Pan-Americano e campeão brasileiro de kickboxing, Walber dos Anjos, é lutador profissional e compareceu ao evento, incentivando os atletas.
“Eu comecei com 19 anos, hoje estou com 26, não tenho dúvida de que o esporte é capaz de motivar as pessoas”, disse.
Lilianne Viana, de 29 anos, é praticante do esporte.
“Eu pratico há quatro anos e comecei como toda mulher, com o objetivo de perder peso. Eu pesava 75 quilos e hoje tenho 60. Foi então que comecei a gostar de lutar e a competir e não parei mais”, disse Lilianne, que é psicóloga.
“Motivar ações esportivas e campeonatos como este também fazem parte de nossas metas no governo. Praticar esportes também é saúde. Espero que todos aproveitem essas iniciativas esportivas, para assistir, incentivar os filhos ou para iniciar a prática esportiva. Volta Redonda está de portas abertas para esse tipo de evento”, destacou o prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva.
A entrada do evento foi 1 kg de alimento não perecível a serem doados à APAE.