Prefeitura aposta na diversificação da produção rural

A diversificação da produção rural, com investimentos em novas culturas, é a aposta da Prefeitura de Resende para o setor da agricultura nos próximos anos. Para isso, a Secretaria Municipal de Agricultura está acompanhando de perto a plantação de hortaliças e de cogumelos do tipo Champion, localizadas nos distritos de Engenheiro Passos e Visconde de Mauá, além do cultivo de oliveiras e da produção de laticínios que já ocorrem na fazenda Copaíba, também localizada em Mauá.

 

De acordo com o secretário municipal de Agricultura, Alberto Figueiredo, além da Copaíba, o cultivo de oliveiras também está presente em pelo menos três fazendas da região. O fruto da planta – a azeitona – será utilizado na produção de azeite orgânico, mas as árvores necessitam de pelo menos cinco anos para produzir. Em Mauá, o plantio mais antigo foi feito há três anos.

 

E visando incentivar os produtores rurais do município a investirem em novas culturas, a Secretaria de Agricultura está concluindo os termos de um convênio que será assinado entre a Prefeitura de Resende e o Banco do Brasil, para ampliação das linhas de créditos voltadas para os agricultores que estão dispostos a diversificar sua produção. Um dos projetos a serem viabilizados através do convênio é a instalação de uma granja de ovos caipira na zona rural do município.

 

O secretário ressalta que, além da diversificação das atividades rurais, que amplia o número de itens produzidos e consequentemente a renda dos produtores, o meio ambiente também sai ganhando com esta nova estratégia, já que os produtores adotam ações de responsabilidade social e ambiental, como o tratamento das nascentes e o equilíbrio relacionado à qualidade do ar e do solo.

– Quando viemos para cá, realizamos um grande investimento para preservação das nascentes e reconstrução da mata ciliar. Nossa preocupação é conciliar a produção rural com a conservação ambiental – explicou Vaine Menegheti, proprietário da fazenda Copaíba.

Deixe um comentário