Caminhoneiros dão aprovação a Rodovia do Contorno em Volta Redonda

Neste primeiro dia de funcionamento após a abertura da Rodovia do Contorno, os caminhoneiros que já estão utilizando o novo percurso, aprovaram as mudanças.
Resultado de uma espera de mais de 23 anos. Os caminhoneiros que transportam cargas pesadas ou perigosas, em direção a São Paulo e outros estados, não precisam mais usar a zona urbana de Volta Redonda.
A Rodovia do Contorno com seus 13,5 quilômetros de extensão, foi entregue oficialmente pelo governador Pezão e pelo Prefeito Samuca Silva, na última sexta-feira, dia 8, junto com a presença do Ministro Moreira Franco e centenas de convidados.
“Já estamos começando a perceber resultados positivos com a Rodovia do Contorno. Muitos caminhoneiros já estão utilizando o novo percurso, e  muito em breve, os resultados na região urbana de Volta Redonda, serão percebidos”, comentou o prefeito Samuca Silva.
A meta é que cerca de nove mil veículos pesados deixem de circular na região urbana. Muitos deles já aproveitaram o sábado para testar a Rodovia e aprovaram.
“A estrada ficou muito boa. Tá muito chique para a gente passar”, disse o caminhoneiro José Luiz de Almeida, 38 anos, que saiu de Cachoeira de Itapemirim(ES) para levar uma carga de pedras para o Paraná.
Um outro caminhoneiro, Abrahão Pires, 48 anos, conduzindo um veículo pesado saiu de Ponta Grossa(PR) com uma carga de 32 toneladas de papelão. O seu destino é uma fábrica de embalagens de Piracicaba(SP).
“A princípio eu estava meio perdido porque não sabia dessa nova estrada. Muito boa, sinalizada. Parabéns aos governantes porque até chegar aqui já passei em muitos buracos desde Teresópolis. Eu dou nota 10 para essa  nova rodovia”, afirmou.
Os motoristas de veículos mais leves que também passaram pela Rodovia, como a manicure Daiane Queiroz, que mora no bairro Santo Agostinho, deu uma definição curta para a nova via:
“Ficou show de bola, muito boa mesmo”, sentenciou.