Prazo para acompanhamento do “Bolsa Família” é prorrogado até o dia 11

Foi prorrogado o prazo para que os assistidos do “Programa Bolsa Família” façam o acompanhamento das condicionalidades da saúde. Os contemplados pelo programa devem procurar o posto de saúde do seu bairro até o dia 11 de janeiro. O acompanhamento é obrigatório para crianças de ambos os sexos com idade de zero a 7 anos, mulheres entre 14 e 44 anos, além das gestantes.

As famílias devem ficar atentas ao prazo, pois a não realização do acompanhamento pode acarretar em suspensão e posterior cancelamento do benefício. No acompanhamento, é feita a verificação de peso, altura e situação vacinal das crianças. As mulheres farão acompanhamento de peso e altura e as gestantes o pré-natal.

Em Resende há mais de 10 mil inscritos no cadastro Único para Programas Sociais. Dessas, 2.217 pessoas são beneficiadas pelo Programa Bolsa Família. O Programa faz a transferência direta de renda que beneficia famílias classificadas pelo Governo Federal como extremamente pobres (com renda mensal de até R$ 85,00 por pessoa); ou pobres (com renda mensal de R$ 85,01 a R$ 170,00 por pessoa).

A secretaria de Assistência Social, Jéssica Pavone, disse que o não cumprimento deste procedimento pode gerar bloqueio do benefício.

– Se houver bloqueio, a família pode ser excluída do programa e assim, retornar ao processo inicial, muitas vezes com milhares de famílias na frente, para conquistar novamente o benefício – conscientizou.

Deixe um comentário