Volta Redonda avança na proteção de direitos de crianças e adolescentes

Com o objetivo de aumentar a proteção a crianças e adolescentes, a prefeitura de Volta Redonda está preparando a implantação do Sistema de Informações para a Infância e Adolescência (Sipia), do governo Federal. O objetivo é integrar os Conselhos Tutelares e o Conselho Municipal de Proteção à Criança e ao Adolescente ao sistema. Os detalhes para implantação aconteceu nesta segunda-feira, dia 5, na secretaria municipal de Planejamento, Transparência e Modernização da Gestão (Seplag).

Ainda em fevereiro, Volta Redonda vai realizar uma capacitação para os conselheiros, através da Fundação da Infância e Adolescente (FIA) do Governo do Estado. “Vamos realizar essa capacitação dos nossos conselheiros, em dois dias de curso, para utilizarem o novo sistema. Queremos agregar também toda a região, convidando outros municípios para participar dessa capacitação”, destacou o secretário de Planejamento, Júlio Andrade.

O Sistema de Informações para a Infância e Adolescência (Sipia) é um instrumento de apoio à gestão em direitos humanos de crianças e adolescentes, a partir de módulos que coletam, processam e disseminam informações locais sobre a situação da infância e adolescência. O software oferece ainda um conjunto de dados em relatórios locais, regionais, estaduais e nacionais para apoiar a construção e o desenvolvimento de projetos.

De acordo com o conselheiro tutelar Marco Aurélio de Souza, o Sipia irá melhorar o sistema de histórico dos atendidos. “Teremos um software pela internet, então teremos um acesso mais rápido e completo dos atendimentos. Vai contribuir com mais dados. Teremos um diagnóstico completo de informações”,disse o conselheiro.

O prefeito Samuca Silva destacou que com os dados do Sipia será possível avançar em políticas públicas.“Assim vamos fortalecer a elaboração de projetos, gestão e avaliação de políticas públicas. Tudo o que estiver ao nosso alcance para garantir os direitos das crianças e dos adolescentes, nós vamos fazer”, disse Samuca.

Deixe um comentário